Estado - Sindicato pede à Justiça prisão de Eduardo Leite



O Sindicato dos Servidores de Nível Superior do Poder Executivo do Estado do Rio Grande do Sul (Sintergs) protocolou ontem (26) no Tribunal de Justiça (TJ-RS) um pedido de prisão do governador Eduardo Leite (PSDB) por descumprimento de decisão judicial.
O sindicato argumenta que o pedido se deve ao não pagamento dos salários dos servidores estaduais do Executivo e das autarquias até o último dia útil do mês trabalhado. Em nota, o Palácio Piratini afirma que Eduardo Leite vai se manifestar quando receber a intimação.
O texto argumenta ainda que "o atraso no pagamento dos salários ocorre há quase quatro anos e é uma situação alheia à vontade do governador". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários

Mensagens populares